12 de março de 2011

Os Graus Da Ordem DeMolay




"Grau Iniciático 

    O Primeiro Grau DeMolay, chamado Grau Iniciático, é baseado nas Sete Virtudes Cardeais de um DeMolay: amor filial, referência pelas coisas sagradas, cortesia, companheirismo, fidelidade, pureza e patriotismo. O ingresso à Ordem exige do candidato ao menos um esboço dessas Sete Virtudes, sendo esse Grau, responsável por esculpi-las e valoriza-las, fazendo com que o jovem as honre e dignifique ainda mais em sua vida diária. É ainda nesse Grau que que o jovem possui o primeiro contato com o esoterismo oferecido pela Ordem, através de toda a simbologia embutida na disposição dos objetos dentro da Sala Capitular, nos Oficiais das sessões e em seus paramentos, e principalmente na ritualística que rege as sessões. É durante esse Grau que ocorre o contato de maior valor com a Ordem, pois se define a qualidade que terá o jovem como DeMolay ativo. Portanto, despertar o interesse sobre a Ordem da forma correta é um trabalho delicado e muito importante, para que se tenha resultados dos ensinamentos oferecidos por ela no dia a dia de seus membros, tornando o mundo melhor a sua volta.
Grau DeMolay 

     A Ordem DeMolay é uma organização hierárquica sendo, desde sua origem, dividida em graus. Assim como as séries de um colégio, também a Ordem DeMolay divide seus membros através de conhecimentos adquiridos na convivência capitular e estudos pertinentes a cada grau. A aquisição dos graus varia de acordo com requisitos pré-estabelecidos, tais como idade mínima, tempo decorrido após a iniciação e mérito no cumprimento das tarefas oferecidas pelo grau em que se encontra. Assim como a Maçonaria possui o Corpo das Lojas de Perfeição após as Lojas Simbólicas, a Ordem DeMolay também se divide em dois Corpos. O primeiro, envolve os dois primeiros Graus: o Grau Iniciático e o Grau DeMolay, podendo ser comparado às Lojas Simbólicas, e um segundo Corpo denominado de Nobres Cavaleiros da Ordem Sagrada dos Soldados Companheiros de Jacques DeMolay (Nobres Cavaleiros) que é constituído por duas Ordens: a Ordem da Cavalaria e a Ordem do Ébano, podendo ser comparado às Lojas de Perfeição, pois da mesma forma que essas, enfatiza o lado filosófico e esotérico da Ordem.
Ordem da Cavalaria 

     A Ordem dos Nobres Cavaleiros da Ordem Sagrada dos Soldados Companheiros de Jacques DeMolay, é formada por DeMolays ativos que possuam a idade mínima de 17 anos e que tenha sido corretamente elevado ao Grau DeMolay. Tais requisitos se fazem para participarem do quadro de membros jovens mais amadurecidos, uma vez que nesse Grau novos valores e virtudes serão cobrados. As sessões passam a se realizar em Conventos, e não mais em Capítulos, e devido ao número reduzido de membros por cidades, esses Conventos reúnem pessoas de diversos Capítulos. As reuniões são itinerárias, ou seja, a cada dois meses aproximadamente se realiza em uma cidade onde haja membros.
     Num Convento, as lições já não se baseiam mais nas Sete Virtudes Cardeais de um DeMolay, pois o ingresso num Convento exige que as Virtudes se tornem Verdades, e essas são representadas pelas Sete Grandes Luzes.
     A Ordem dos Nobres Cavaleiros fez sua estréia em 1946, quando foi exemplificada perante o Grande Conselho - hoje conhecido como Supremo Conselho Internacional. O ritual foi devidamente aprovado e os Conventos foram autorizados a se organizarem. Os primeiros membros de Convento eram DeMolay's de 18 a 21 anos de idade e de grande posição em seus Capítulos. As atividades dos Cavaleiros consistia de programas sociais e educacionais, destinadas aos jovens mais velhos que estavam na faculdade ou empregados. O primeiro Convento começou pelo Capítulo Mãe em Kansas City, Missouri, E.U.A., e recebeu sua Carta Constitutiva em 27 de outubro de 1947. Em 10 de janeiro de 1948, o Convento Mãe fez sua primeira Investidura no Ivanhoe Masonic Temple, com Everett L. Davis prescindindo como o primeiro Ilustre Comendador Cavaleiro.     

Grau do Ébano
          O grau do Ébano é o último grau da jornada do jovem DeMolay em direção a maioridade. É um grau de conteúdo profundo e obscuro, sendo diferente dos outros graus, já que este não nos mostra as virtudes dos ensinamentos DeMolay, mas sim o porquê de tê-las conosco.
          Durante a caminhada do DeMolay pela trajetória da juventude, ele se depara com muitas questões, causando dúvidas e incertezas. Qual caminho seguir?
          Muitas das vezes o mal chega até o jovem de maneira sedutora e atraente. Com ofertas muito interessantes, o jovem é colocado diante de uma balança, onde de um lado estão as virtudes ensinadas durante os degraus galgados na Ordem DeMolay, e do outro lado a ganância, a sede de sucesso e poder, e o desejo de superioridade. Estes são envolventes, pois viabilizam uma vida fácil e prazerosa, onde se tem tudo que se quer sem pensar nas conseqüências dos seus atos e sem se preocupar com os que estão ao seu redor.
          Na Bíblia, em Mateus 7: 13 – 14, diz: “Entrem pela porta estreita, porque é larga a porta e espaçoso o caminho que levam para a perdição, e são muitos os que entram por ela! Como é estreita a porta e apertado o caminho que levam para a vida, e são poucos os que encontram!” Em Lucas 7 : 24, diz: “Façam todo o esforço possível para entrar pela porta estreita, porque eu lhes digo: muitos tentarão entrar, e não conseguirão.” Cristo faz uma comparação: cada homem chega a uma encruzilhada e tem que escolher entre dois caminhos. Um é largo, é plano, é popular, é o do mundo... E conduz ao Inferno. Outro é estreito, é impopular, parece difícil (mas é feliz independentemente das circunstâncias), é de Deus... E conduz ao Céu.
          Aquele que não teve uma base educacional sólida baseada na formação do caráter é guiado para o lado negro (Ébano – madeira negra) com mais facilidade, muita das vezes despencando num abismo sem volta.
          Portanto, a filosofia do grau do Ébano nos mostra que devemos manter as virtudes e os ensinamentos da Ordem DeMolay em nossas mentes e nossos corações para nos mantermos firmes e não nos desviarmos do caminho do bem, orientando-nos nos momentos de indecisão.
          Para ter o Grau do Ébano, o DeMolay precisa ja ter o Grau de Cavaleiro, e ter no minimo 19 anos."



2 comentários:

  1. Chama de Priorado, senão os profanos ainda vão falar e pensar merda da gente...

    ResponderExcluir
  2. E eu aqui zoando os iniciatico kkkkkkkkj

    ResponderExcluir

Vc vai gostar...