7 de dezembro de 2011

Por que a ritualística?


Sabemos que, desde quando pisamos pela primeira vez como Irmãos dentro dessa sala capitular, nos tornamos parte de uma ordem, a ordem Demolay. Como o próprio nome diz ORDEM, devemos nos conscientizar de que existem regras a serem seguidas, pois são elas que mantém a ordem na Ordem!
Sendo mais especifico, gostaria de dizer a respeito da ordem dos trabalhos e os tipos de condutas dentro de uma sala capitular, o que marcam a nossa ritualística. Como não é permitido veicular nada a respeito de nosso ritual através da Internet, citarei exemplos e explicações extra-ritualísticos para que facilite a compreensão de cada um de vocês.
  

Ritualística, para ser mais exato, não se restringe ao que está dentro de nossa sala capitular, pois ela é tudo que praticamos em nossas vidas diárias, cada um com sua maneira de praticar, tudo em prol de uma organização e de uma finalidade, seja em nossas casas, em nossas oficinas de trabalho, ou em qualquer outro local. Se queremos que o nosso patrão nos promova, devemos o surpreender de tal maneira que faça a nossa empresa crescer, por exemplo, mesmo sabendo que na teoria, a empresa cresce pela idéia de poucos, na prática, é a união de todos é que faz ela progredir. Se queremos ser recompensados por nossos pais, devemos manter a casa organizada, tudo em seu devido lugar. Logo, tudo que vivemos faz parte de uma ritualística, pois há finalidade em tudo que fazemos.
Não restrito apenas a coisas boas, a ritualística pode ser usada para gerar o caos também, ela é uma moeda, e toda moeda tem sua dupla face. Assim como você pode colaborar numa organização para o bem estar, poderá também colaborar de tal maneira a gerar desconforto ou qualquer tipo de desordem. Acontece de, algumas vezes, sentirmos o ambiente de um determinado local, sobrecarregado, podendo nos fazer sentirmos mais animados e felizes, ou exaustos e tristes, e existe todo um estudo explicando o porquê disso. Costumam chamar isso de egrégora, sendo um acumulo de energias físicas, emocionais e mentais de um grupo de pessoas reunidas, aptas a praticar uma ação ou que possuem em mente um propósito único, ou, no mínimo, relativo.
 
Sabemos então que a paciência de todos, a colaboração de todos e a organização de todos em um capítulo é fundamental para o bem estar do ambiente em que reunimos, e assim estamos mais próximos de progredir, caso contrário, falharemos e nos sentiremos incapazes. De praxe, leve a sério o que está escrito em nosso ritual, nos mínimos detalhes, pois além de ser a nossa maior ferramenta para nos reunirmos em coletivo, ele é o primeiro passo para entendermos um pouco sobre nossa ordem, e refletirmos, mais tarde, sobre tudo a respeito de nossas vidas.

Por mais que seja importante praticar, não cabe a nós DeMolays, entender com precisão sobre tal assunto, pois como Tio Marcelo Rossin, sempre me dizia, por mais interessante que seja o assunto, a explicação disso é maçônica, é algo que deveria estar restrito, de fato, a nós, apesar de sabermos que nem sempre as explicações estão tão restritas assim. O mínimo que podemos fazer é comparações de nossas vidas à ritualística que nossos irmãos sempre nos ensinaram, seja em Ordem ou não. O Demolay que é Demolay, vai além das expectativas de qualquer Maçom, pois ele se exalta e se supera sempre em questão de conhecimento. Ele busca querer saber sempre além do que lhe é passado dentro da Ordem, ele busca isso na vida.

 
Partindo desse ponto, nós DeMolays nos perguntamos: Por que a ritualística? Por que praticar, se não sabemos a sua finalidade?

Talvez, parte de vossas perguntas, estão agora respondidas, já a outra parte, cabe a vocês entenderem e procurarem saber.

22 de novembro de 2011

Fuja da Glória


Pergunto a vocês o porquê de fugir de uma jornalista competente como essa (se bem que prefiro a Patrícia Poeta, ela me lembra uma moça que quase namorei, só faltou sermos apresentados! Mas amores platônicos a parte, voltemos ao post). Não tenho nada contra a Glória Maria, mas tenho algumas ressalvas a respeito da “GLÓRIA” substantivo feminino sinônimo de fama, celebridade, feitos, virtudes, talentos.
Certa vez, há muito tempo, perguntei a um DeMolay porque ele gostaria de ser conselheiro, a resposta foi direta e interessante, “pela glória”, fiquei gloriosamente surpreso com essa resposta lhe fiz outra, “a glória do capítulo ou a sua?”, ele respondeu com aquele ar glorioso ”a do capítulo sem dúvida”.

Pergunto a vocês agora, “A glória é algo ruim?”

Quando fazemos um bom trabalho, merecemos a glória, mais olha a questão, MERECEMOS, ou seja, é algo conquistado e não almejado. Ao conhecer uma garota bonita (ao estilo de Patrícia Poeta, por exemplo), nos vamos à luta e tentamos conquistá-la, mais qual é a nossa intenção, conquistar alguém ou simplesmente mostrar para os outros que somos capazes de beijar a tal moça.
Candidatar-se a um cargo no capítulo funciona da mesma forma, quando fizer isso pense em tudo, exceto na glória (e não estou falando da Maria), o capítulo não precisa de glória, precisa sim de trabalho, movimento, vida. Um dia segurei o malhete do 1° conselheiro (nada de duplo sentido hein), me senti glorioso com isso, como se tivesse escrito meu nome na história do capítulo, (bela gloriosidade).
 MEU IRMÃO O ÚNICO LUGAR QUE ALGUÉM ESCREVE O NOME NESSA ORDEM É NA NOMINATA OU LISTA DE PRESENÇA, se depois de assumir esse cargo eu resolvesse que já fiz de tudo lá dentro e que era hora de parar, hoje não estaria escrevendo isso para vocês e seria apenas um ex primeiro conselheiro ou ex DeMolay se preferir.

Não se sintam culpados se já fizeram ou fazem coisas pensando somente na glória, é algo normal e tem haver com a vaidade humana, entretanto temos que buscar a melhoria, esse é um princípio da ordem e deve ser uma meta para os DeMolays. Aos novos conselheiros desejo uma ótima gestão, com muitos trabalhos (de preferência que envolva comida), muitas reuniões, muitos debates e muitos problemas, porque vocês (Rafael, Guilherme, e Marcinho) precisam aprender a resolvê-los e no final da gestão, deixem os seus atos falarem por si.

Lembrem-se irmãos, se pela glória vocês forem motivados, tudo que farão será gloriosamente um fracasso. Pena eu ter aprendido isso da pior forma.

15 de novembro de 2011

Coração DeMolay



Andei pensando em tudo que tenho passado na ordem demolay até agora. E percebo que existe algo de 
muito valioso aqui. Vejo isso no templo, nas musicas, na filosofia e dentro de cada demolay.

A Ordem é perfeita, já aqueles que seguem não!Nascemos no pecado, morreremos no pecado e só seremos salvos pela bondade do nosso pai celestial. Nós seres humanos, estamos fadados ao erro. Ser o melhor filho que tenho sido até agora, nunca será o suficiente, não existe nada que possamos fazer para retribuir o amor dado por nossos pais. Dar-lhe com diferentes religiões, culturas e pensamentos é quase impossível, cantar o hino nacional não faz de você um patriota, seguir toda filosofia DeMolay é quase impossível.
E mesmo sabendo disso, continuamos aqui reunião após reunião, tentando ser um melhor filho e um melhor cidadão. Tentar ser melhor, não o torna melhor e nem pior. Talvez faça com que você venha se tornar um louco que se joga do alto de um prédio pedindo para Deus um para de asas.
 Amor a Filial, Reverencia Pelas Coisas Sagradas, Cortesia, Companheirismo, Fidelidade, Pureza e Patriotismo; tudo isso se torna pequeno perto do Coração Demolay, que é pra mim a união de todas as virtudes, e a única maneira de alcançar isso é parando de seguir a ordem Demolay.
Não siga a ordem.
Viva a ordem! Assim como não é preciso avisá-lo qual é o momento certo para respirar, não espere ser avisado que é um Demolay, apenas seja!

Assim Deus nos ajude!



27 de outubro de 2011

Além das Sete


8ª Virtude de Hoje é Tolerancia

Alguém ai pode me falar o que é Tolerância?

Ontem estava reunido com alguns DeMolays e resolvi escrever esse post com esse assunto. O que me motivou? Não importa! Eu escrevo para todos NÓS que não praticaMOS essa virtude.

A palavra tolerância provém do latim “tolerantia”, que por sua vez procede de tolero, e significa suportar um peso ou a constância em suportar algo. Teve no passado, e com sentido negativo, a função de designar as atitudes permissivas por parte das autoridades diante de atitudes sociais impróprias ou erradas. Hoje em dia, pode ser considerada uma virtude e se apresenta como algo positivo. Esta é uma atitude social ou individual que nos leva não somente a reconhecer nos demais o direito a ter opiniões diferentes, mas também de as difundir e manifestar pública ou privadamente.
Tolerância é uma das tantas virtudes, necessárias para elevar o ser humano à condição de civilidade. Ela faz parte do processo de desenvolvimento ético de indivíduos e grupos, cuja meta é levá-los a manter a "disposição firme e constante para praticar o bem".
A tolerância, entendida como respeito e consideração pela diferença, como uma disposição para admitir, nos outros, uma maneira de ser e de proceder diferente da nossa, ou como uma atitude de aceitação do legítimo pluralismo, é,em todos os aspectos, um valor de enorme importância.

E ai galera, quantas vezes SOMOS (pois eu me coloco dentro desse grupo) intolerantes no nosso dia-a-dia?
Pois eu digo o que acho: MUITAS!
Erramos quando não respeitamos as diferenças da nossa família, dos nossos amigos e das pessoas que não conhecemos!

O que nos leva a isso?
A invasão do direito alheio? O ultrapassar o limite de tolerância? A incapacidade de compreensão mútua ou própria? A falta de empatia? A nossa própria natureza, o nosso temperamento?

A resposta é “A DIFERENÇA!”. Mas isso não devia causar intolerância, mas sim crescimento, pois é através disso que crescemos para a vida, superando e reconhecendo o que nos difere! Somos limitados, e isto se manifesta também no modo tosco com que nos relacionamos com as pessoas. Então vamos praticar essa virtude para mudar essa limitação que só nos causa discórdia.

Se voltarmos ao passado, vemos exemplo da falta de tolerância com a morte de nosso patrono e mártir, Jacques DeMolay e de muitos outros homens e mulheres que perderam a vida para deixar sonhos vivos, para ser fiéis naquilo que acreditavam.


#EUQUEFALO
Pois é Galera, estou abrindo espaço para que vocês possam participar do engrandecimento do BLOG; quem quiser participar é só mandar o seu texto para " kael.costa@hotmail.com " e escrever no assunto Tribuna DeMolay, assim seu os textos vão passar por um processo de seleção e os melhores eu postarei aqui no Tribuna DeMolay.
  
MoMento Humor:



16 de outubro de 2011

Formando DeMolays Inteligentes

Ai galera. Essa semana não vou postar sobre a ordem. quem me conhece sabe que eu adoro fazer vídeos.
Então decidi mostrar meu trabalho pra vocês, acho que ficou bem legal espero que gostem.


2 de outubro de 2011

FAQ sobre a Ordem DeMolay


Primeiramente queria deixar claro o que é um FAQ.
 FAQ é um sigla em Inglês que significa   Frequently Asked Questions , que  em português significa Perguntas Frequentes. Espero que possa ajudar a galera com essas perguntas respondidas com clareza.



Olá queridinhos,
 Não vejo melhor assunto do que responder às perguntas mais freqüentes feitas aos DeMolays já que está chegando a época da iniciação em muitos capítulos. Diariamente passamos por um batalhão de perguntas feitas pelas pessoas. Muitas vezes, se respondemos essas perguntas descuidadamente, podemos ser mal interpretados e provocamos uma má visão da nossa Ordem.

O que é a Ordem DeMolay? Quais são seus objetivos?
      A Ordem DeMolay é uma organização mundial filosófica e fraternal, para jovens - do sexo masculino - com idade compreendida entre os 12 e os 21 anos incompletos patrocinada pela maçonaria universal. Fundada nosEstados Unidos dia 18 de Março de 1919 pelo Maçom Frank Sherman Land. Há cerca de 8 milhões de membros em todo o mundo e mais de 200 mil no Brasil, atualmente é a maior organização juvenil do mundo tendo Capítulos em países como Aruba (Países Baixos), Alemanha, Austrália, Bolívia, Brasil, Canadá, Colômbia, Estados Unidos,Filipinas, Guam (Estados Unidos), Itália, Japão, México, Panamá, Paraguai, Peru e Portugal.
Seus objetivos são: Através da reunião de jovens sob uma mesma bandeira e tendo como preceito as virtudes cardeais O Amor Filial, Reverência pela coisas sagradas, Cortesia, Companheirismo, Fidelidade, Pureza e Patriotismo, a Ordem oferece instrumentos para que o próprio jovem lapide moralmente o seu ser e torne-se um adulto consciente e útil para a sociedade e para si mesmo.
Contribui para o desenvolvimento do caráter de lideranças, tendo por princípio o desenvolvimento da personalidade dos jovens que lutam pela emancipação pacífica e progressista da humanidade.
Além disso, propicia uma ampla gama de conhecimentos e atuação, tais como: estudos filosóficos, estudos de cidadania, ritualística, filantropia, esportes, cultura, atuação comunitária e muitas outras.
Isto é alcançado através do convívio e troca de experiências entre os jovens com a realização de atividades sociais e educativas. Assim, o DeMolay é chamado diariamente a lutar e construir uma nação melhor.

A Ordem DeMolay é uma religião?

Nossa Ordem não possui caráter de religião ou seita, tão pouco faz discriminação entre religiões para admissão de membros. Dentro de um Capítulo existem jovens que professam fé nas mais variadas igrejas. Todavia é requisito essencial para um jovem DeMolay manifestar a fé num vivo e verdadeiro Deus, nosso Pai Celestial, ou seja, um DeMolay nunca é ateu. Também é válido frisar que nossas cerimônias são realizadas em glória de Deus e não possuem, por conseguinte, nenhum caráter imoral, pagão ou herege. Aos Jovens DeMolays é ensinado o respeito a todos os Credos e objetos Sagrados de todas as Religiões.
 
Vocês são Maçons? A Ordem DeMolay é uma preparação para a Maçonaria?

Não, a Ordem DeMolay é patrocinada e aconselhada pela Maçonaria. Não é uma preparação para uma futura entrada na Maçonaria e o ingresso não na Ordem não garante acesso a ela. Nossa Ordem não se trata de uma Maçonaria Juvenil, mas sim de um corpo patrocinado por ela.

Quais são os segredos? Por que é um grupo fechado?

Costumamos dizer que não temos segredo, pois tudo da Ordem já é totalmente divulgado. Assim, o segredo dos DeMolay é o espírito DeMolay, o companheirismo aliado a fidelidade que nos une fortemente.
O DeMolay é um grupo fechado, pois apenas os jovens que possuem os critérios para a admissão são escolhidos e convidados a iniciar nos Capítulos.

Quais os critérios para um jovem se tornar um DeMolay?

Basicamente para ser um DeMolay, devemos ter uma boa índole e sermos bons cidadãos.
Mais detalhadamente procuramos jovens que tragam consigo a Sete Virtudes Cardeais de um DeMolay. Que tenham entre 13 e 21 anos, professem crença em Deus, afirmem lealdade a seu país, busquem a elevação moral pessoal e que se comprometam aos ideais de um DeMolay.

Então Galera é isso ! Espero ter  ajudado ai !

#EUQUEFALO
Estou trabalhando aqui em um designer mais sofisticado e atualizado para o BLOG. Em breve no AR no Tribuna DeMolay. Vlw galera 
Até a próxima

23 de setembro de 2011

ooOo, ooOo, ooO Rock In Rio !!!

Fala Moçada !!!
Pra Fujir um pouco da Rotina, de estar seeeempre falando da Ordem, e aproveitando a onde do " Rock In Rio "
Decidir postar algo relacionado a esse grandioso evento.
Então Vamos Lá ....



Rock in Rio é um festival de música idealizado pelo empresário brasileiro Roberto Medina e realizado pela primeira vez em1985. Originalmente organizado no Rio De Janeiro, de onde vem o nome, tornou-se um evento de repercussão mundial e, em 2004, teve a sua primeira edição fora do país em Lisboa, Portugal.

Ao longo da sua história, o Rock In Rio teve nove edições, três no Brasil, quatro em Portugal e duas na Espanha. Em 2008, foi realizado pela primeira vez em dois locais diferentes, Lisboa e Madrid.

Ao longo dos anos o Rock In Rio foi se tornando o evento musical aberto mais importante não só ra o Rock mas para todos os outros estilos musicais representando assim as diferenças e mostrando que qualquer diferença pode ser deixada de lado em prol de um bem maior.
O evento consciente da força da sua marca e de seu enorme poder de atração, o evento assumiu a responsabilidade de ser um veículo de comunicação para causas socioambientais e mostrar que a pequenas mudanças de atitude do dia-a-dia têm um grande impacto sobre o futuro do planeta.

Um Dia estava eu vendo vídeos educacionais(¬¬) no youtube encontrei alguém que DEVERIA CpOM CERTEZA ser chamado para participar do Rock In Rio 2011, é a oitava maravilha do mundo, o elo perdido, ELE......A reencarnação de Freedy Mercury...... Com vocês.........


          
                O Freddie Mercury ALAGOANO.


.
KKKKKKK !!!! Dei Pala !!
Mas éeee.... Continuando !!!
Depois dessa grande homenagem ao fabuloso Freddie Mercury Deixo vocês com a chamada do Rock In Rio. Até a Próxima e Bom Show pra quem vai  Vocês !!!


20 de setembro de 2011

I'm Living DeMolay ♪

"EU TINHA, UMA GALINHA, QUE SE CHAMAVA MERILOU..."

E é nesse Clima de música que eu começo o post dessa semana.
Primeiramente queria pedira mil desculpas por não postar semana passada. é que ficou meio difícil pra mim por problemas pessoais; Mas vamos ao que interessa.

Essa semana estava eu perambulando pela internet procurando músicas sobre a Ordem, imagens e coisa e tal...
então eu encontrei uma música chamada "I'm Living DeMolay". CARA, eu fiquei muito loko cara, por que a música é Linda de mais e é Feita especialmente pra Ordem, eu fiquei igual criança e decidi posta-la pra compartilhar com vocês minha empolgação. Espero que Gostem !!!

Na verdade a música não tem clipe oficial ai eu peguei qualquer vídeo no youtube !!!




Abaixo e letra da música Traduzida:

Música I'm Living Demolay / Estou Vivendo DeMolay
Composição: Howie Damron and Dad Cockerman



Desde os antigos tempos da Ordem dos Templários
Foi ensinado o modo humilde
De como ficar ao lado da verdade e honestidade
Tal como o Grão-Mestre DeMolay

Nós refletimos a luz da honra
Em uma terra escura e nebulosa
E para uns aos outros
Nós tomaremos uma posição com orgulho

Tenho grandes ambições
Que um dia compartilharei com todos
Devo ouvir com mais atenção as palavras dos líderes
Que também ouviram o chamado

Sementes para o futuro
São plantadas em nossas mentes
Meus sonhos eu tenho certeza
Um dia vou encontrar

Refrão:

A Ordem está viva e bem
A bondade ainda prevalece
Onde integridade e amizade
E lealdade são encontradas
Onde líderes do amanhã
Ensinam a bondade de hoje
Tenho orgulho de dizer ao mundo inteiro
Que estou vivendo a DeMolay

Terei o prazer de compartilhar com todos
O que tenho encontrado na DeMolay
Tenho certeza que tudo o que ela está ensinando
É necessário no mundo hoje

É ótimo ter uma amizade
E ser parte de tal causa
Dizendo humildemente ao mundo que todos somos um
E um são todos

Refrão:

Sim, eu estou orgulhoso de dizer o mundo inteiro
Que eu estou vivendo DeMolay


 Espero que Tenham Gostado Tanto quanto eu gostei. Até a Próxima 

Vou tentar manter o padrão de uma postagem por semana ehehe (Mil desculpas)

11 de setembro de 2011

Ritualística


Por que a Ritualística?

Sabemos que, desde quando pisamos pela primeira vez como Irmãos dentro dessa sala capitular, nos tornamos parte de uma ordem, a ordem Demolay. Como o próprio nome diz,ORDEM, devemos nos conscientizar de que existem regras a serem seguidas, pois são elas que mantém a ordem na Ordem!
Sendo mais especifico, gostaria de dizer a respeito da ordem dos trabalhos e os tipos de condutas dentro de uma sala capitular, o que marcam a nossa ritualística. Como não é permitido veicular nada a respeito de nosso ritual através da Internet, citarei exemplos e explicações extra-ritualísticos para que facilite a compreensão de cada um de vocês.

Ritualística, para ser mais exato, não se restringe ao que está dentro de nossa sala capitular, pois ela é tudo que praticamos em nossas vidas diárias, cada um com sua maneira de praticar, tudo em prol de uma organização e de uma finalidade, seja em nossas casas, em nossas oficinas de trabalho, ou em qualquer outro local. Se queremos que o nosso patrão nos promova, devemos o surpreender de tal maneira que faça a nossa empresa crescer, por exemplo, mesmo sabendo que na teoria, a empresa cresce pela idéia de poucos, na prática, é a união de todos é que faz ela progredir. Se queremos ser recompensados por nossos pais, devemos manter a casa organizada, tudo em seu devido lugar. Logo, tudo que vivemos faz parte de uma ritualística, pois há finalidade em tudo que fazemos.
Não restrito apenas a coisas boas, a ritualística pode ser usada para gerar o caos também, ela é uma moeda, e toda moeda tem sua dupla face. Assim como você pode colaborar numa organização para o bem estar, poderá também colaborar de tal maneira a gerar desconforto ou qualquer tipo de desordem. Acontece de, algumas vezes, sentirmos o ambiente de um determinado local, sobrecarregado, podendo nos fazer sentirmos mais animados e felizes, ou exaustos e tristes, e existe todo um estudo explicando o porquê disso. Costumam chamar isso de egrégora, sendo um acumulo de energias físicas, emocionais e mentais de um grupo de pessoas reunidas, aptas a praticar uma ação ou que possuem em mente um propósito único, ou, no mínimo, relativo.

Sabemos então que a paciência de todos, a colaboração de todos e a organização de todos em um capítulo é fundamental para o bem estar do ambiente em que reunimos, e assim estamos mais próximos de progredir, caso contrário, falharemos e nos sentiremos incapazes. De praxe, leve a sério o que está escrito em nosso ritual, nos mínimos detalhes, pois além de ser a nossa maior ferramenta para nos reunirmos em coletivo, ele é o primeiro passo para entendermos um pouco sobre nossa ordem, e refletirmos, mais tarde, sobre tudo a respeito de nossas vidas.

Por mais que seja importante praticar, não cabe a nós DeMolays, entender com precisão sobre tal assunto, pois como Tio Marcelo Rossin, sempre me dizia, por mais interessante que seja o assunto, a explicação disso é maçônica, é algo que deveria estar restrito, de fato, a nós, apesar de sabermos que nem sempre as explicações estão tão restritas assim. O mínimo que podemos fazer é comparações de nossas vidas à ritualística que nossos irmãos sempre nos ensinaram, seja em Ordem ou não. O Demolay que é Demolay, vai além das expectativas de qualquer Maçom, pois ele se exalta e se supera sempre em questão de conhecimento. Ele busca querer saber sempre além do que lhe é passado dentro da Ordem, ele busca isso na vida.

Partindo desse ponto, nós Demolays nos perguntamos: Por que a ritualística? Por que praticar, se não sabemos a sua finalidade?

Talvez, parte de vossas perguntas, estão agora respondidas, já a outra parte, cabe a vocês entenderem e procurarem saber.




Um fraterno abraço a todos,

“Dimitri Siqueira “,
Secretário Estadual de Ritual e Liturgias da Liderança Juvenil. Pelo Supremo Conselho da Ordem DeMolay para o Brasil.


#EUQUEFALO
Esse texto foi escrito pelo irmão Dimitri Siqueira do capítulo de cataguases, para ser apresentado em um Tira Dúvidas ritualístico. Por ter ficado muiiito bom pedi permição para posta-lo no blog. então ai está.

Vc vai gostar...